As exportações biriguienses alcançaram recorde de US$ 4,1 milhões
em novembro, com crescimento de 192,86% em relação ao mesmo mês do
ano passado, quando foram exportados US$ 1,4 milhão. Foi o maior
valor exportado pela cidade neste ano.


Com o resultado, o município obteve um superávit comercial de US$
2,9 milhões. As importações totalizaram US$ 1,1 milhão no mês
passado. Foram 22 países compradores dos produtos locais, entre eles,
Equador (20,32%); França (19,48%); Bolívia (14,42%); Rússia
(6,65%); e Colômbia (5,64%).


Os dados foram divulgados recentemente pela Secex (Secretaria de
Comércio Exterior) do Ministério da Economia e compilados pelo
Observatório de Inteligência Econômica, da SDE (Secretaria
Municipal de Desenvolvimento Econômico) de Birigui.


O secretário da SDE, Nivaldo Albani, avalia como positivo o
crescimento sustentado e continuo das exportações locais. “A
força industrial de Birigui se materializa na diversificação da
pauta exportadora e do número de países compradores, evidenciando
importantes conquistas para nossa economia”.


PRODUTOS EXPORTADOS


No topo dos principais produtos exportados está o calçado com sola
exterior e parte superior de borracha ou plástico, com vendas de US$
1,2 milhão (30,4% do total exportado pela cidade). O segundo produto
mais vendido foi transformadores elétricos, totalizando US$ 991 mil
(24,1%).


O ranking é composto ainda por tortas de soja com US$ 800 mil
(19,48%). Em quarto lugar aparece os calçados com sola exterior de
borracha, totalizando US$ 689 mil (16,8%), seguido por máquinas e
aparelhos para agricultura, com US$ 133 mil (3,25%).


ACUMULADO DO ANO


No acumulado do ano, as exportações alcançaram o valor de US$ 27,5
milhões e as importações US$ 13,9 milhões, resultando em
superávit comercial de 13,7 milhões. As exportações cresceram
29,6% entre janeiro e novembro desse ano, em comparação ao mesmo
período do ano passado. Os produtos biriguienses foram exportados
para 71 países.


“Os resultados comprovam que a recuperação econômica biriguiense
ocorre também no mercado externo, refletindo o nosso potencial
empreendedor em um contexto de ampliação dos mercados. Isso
consolida os resultados para 2021, trazendo boas perspectivas para
2022”, disse o prefeito Leandro Maffeis.


O projeto Observatório de Inteligência Econômica é uma estrutura
responsável por realizar estudos e pesquisas econômicas e acompanhar
a evolução dos indicadores econômicos da cidade. Os relatórios
divulgados pela SDE estão disponíveis no site sedecti.org.

Araçatuba Acontece
15/12/2021



Postar um comentário

0 Comentários