Candidatos do Programa Bolsa Trabalho iniciaram atividades nesta sexta; auxílio será de R$535



 Sessenta mulheres e homens que se candidataram a participar do Programa Bolsa Trabalho, em Araçatuba, iniciaram as atividades nesta sexta-feira (24).
Eles foram recepcionados na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Relações do Trabalho (SMDERT) de Araçatuba pelo secretário da pasta, Marcelo Mazzei, e pela vice-prefeita Edna Flor, além dos funcionários da própria secretaria, que desenvolveram atividades de introdução ao curso e técnicas de comportamento e posturas no local de trabalho. A turma foi dividida em dois períodos para cumprimento dos protocolos contra a Covid-19.
O Programa Bolsa Trabalho, do Governo do Estado de São Paulo, ofertou a Araçatuba 60 bolsas no valor de R$535 por mês aos cidadãos que realizarem atividades de trabalho em órgãos públicos municipais e estaduais em Araçatuba. 
O Bolsa Trabalho tem como objetivo gerar renda, ocupação, qualificação e empregabilidade para a população mais vulnerável, com apoio das prefeituras.  
MÉTODO
A seleção foi feita pelo Governo do Estado de São Paulo. Todos irão desempenhar trabalhos auxiliares em órgãos públicos, com carga horária de 4 horas diárias por 5 dias da semana, além de 80 horas de curso de capacitação, ao longo dos próximos 5 meses. 
Além disso, os bolsistas realizarão um curso de qualificação profissional com duração de 80 horas durante o horário de trabalho. Poderão escolher um entre as seis opções de cursos profissionalizantes virtuais da Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo): Auxiliar de Controle de Produção e Estoque, Gestão Administrativa, Gestão de Pessoas, Organização de Eventos, Rotinas e Serviços Administrativos, e Secretariado e Recepção.
CRITÉRIOS
Os critérios para a inscrição era de que o candidato à vaga fosse maior de idade, com renda familiar de até R$ 550 por pessoa (equivalente a meio salário mínimo) e que resida na cidade há dois anos. A prioridade foi para mulheres líderes de família e para as demais pessoas com maior tempo de desemprego.
A vice-prefeita Edna Flor que, durante a acolhida às turmas representou o prefeito Dilador Borges, destacou a postura do Governo do Estado em priorizar as mulheres na seleção para a participação no programa. “Sabemos o quanto as mulheres ainda sofrem com preconceitos, desigualdades e por muitas vezes não recebem o reconhecimento que merecem. Vocês foram escolhidas em meio a várias pessoas em todo o estado porque representam um diferencial. Temos certeza de que tanto o serviço prestado como o curso serão de grande proveito para a vida de vocês. Vai ser, ainda, uma grande oportunidade de novos contatos para o surgimento de novos caminhos no mercado de trabalho”, disse Edna Flor.
Por: Sílvio Romeiro
Fonte: Assessoria de imprensa da prefeitura municipal de Araçatuba
Araçatuba Acontece
25/09/2021





Postar um comentário

0 Comentários