Mulher é presa em Araçatuba pelo BAEP com 10 Kg de pasta base de cocaína dentro de uma mochila.

 

 

 

Uma autônoma de 29 anos, moradora no bairro Vilella, em Araçatuba, foi presa em flagrante por tráfico de drogas quando desembarcou na rodoviária com 10,1 quilos de pasta base de cocaína, em um ônibus que havia acabado de chegar de São Paulo. Ela estava com o filho de apenas um ano no colo e na companhia de uma babá, de 38 anos.
De acordo com a polícia, uma equipe do BAEP (Batalhão de Ações Especiais de Polícia) recebeu a informação de que duas mulheres tinham desembarcado com grande quantidade de entorpecente. O denunciante passou o nome das duas, características físicas e informou que a droga estava em uma mochila rosa.
Os policiais foram até a rodoviária e identificaram as duas mulheres. A autônoma estava com o filho no colo e a mochila descrita na denúncia. Ao ser questionada pelos policiais, sobre o que ela tinha na mochila, a autônoma começou a chorar e confessou que havia 10 tijolos de cocaína. Ao revistar a mochila os policiais encontraram a droga.
A indiciada disse que pegou o entorpecente no metrô do Capão Redondo em São Paulo, mas, por temer pela sua segurança, não quis dizer de quem pegou a droga e nem a pessoa que pagou R$ 1 mil para ela buscar o entorpecente. A babá, por ter ido junto, receberia R$ 300. As despesas das viagens de ida e volta a São Paulo foram custeadas por um traficante de Araçatuba, que a mulher também não informou quem seria. A mãe da autônoma foi acionada e ficou com a criança de colo.
A babá disse à polícia que conhece a indiciada há dois anos porque ela namorou uma amiga sua. Depois ela casou-se com um homem e teve um filho. Na sexta-feira passada, a autônoma chamou a babá para ir buscar doces (chocolates) em São Paulo, e a contratou como babá para cuidar da criança enquanto ela supostamente faria as compras.
Quando chegaram a São Paulo a babá ficou com a criança no metrô da Barra Funda e a indiciada seguiu sozinha para o metrô de Capão Redondo. Uma hora e meia depois ela retornou com uma caixa na mão e como ela estava com uma mochila cor de rosa, entrou no banheiro com a caixa e a mochila e depois ela saiu somente com a mochila carregada.
A babá perguntou o que tinha na caixa e mochila e a autônoma disse que eram barras de chocolates. Elas pegaram o ônibus das 14h30m e chegaram em Araçatuba meia-noite e meia. Segundo a babá, a autônoma ficou o tempo todo com a mochila nas costas ou nos seus pés quando estava sentava na poltrona do ônibus, quando ela descia nos postos carrega a mochila nas costas, sempre deixando a criança com a babá.
Quando chegaram em Araçatuba a autônoma chamou um motorista de aplicativo e quando estavam aguardando os policiais chegaram para abordagem. No momento em que descobriram a droga, a autônoma pediu desculpa para a babá dizendo que não trazia chocolates, e sim drogas. A babá não chegou a recebe os R$ 300 pelo serviço.
Na delegacia, o delegado plantonista representou pela conversão da prisão em flagrante para prisão preventiva da autônoma. Os 10 quilos de pasta base poderiam render até 60 quilos de cocaína refinada. Ela foi encaminhada para a Cadeia Feminina de Tupi Paulista.
Por: Fábio Shizz/RP10
Araçatuba Acontece
29/08/2021





Postar um comentário

0 Comentários