Educação de Birigui prepara implantação de Núcleo de Alfabetização na rede municipal de ensino


A Secretaria de Educação de Birigui anunciou nesta terça-feira (10/08) que prepara a implementação de um Núcleo de Alfabetização para acompanhar a evolução das aprendizagens e superar as graves defasagens ocasionadas pela pandemia no processo de alfabetização dos alunos rede municipal de ensino.

Outros aspectos importantes da criação do Núcleo de Alfabetização serão a oferta de formação continuada aos docentes, a elaboração de avaliações diagnósticas e a realização de visitas às escolas, especialmente nos 1º, 2º e 3º anos do ensino fundamental para acompanhamento das crianças.

Conforme a secretária de Educação, Iládia Cristina Marin Amadio, o município até hoje não possui um núcleo específico para cuidar da alfabetização dos alunos, sendo essa uma oportunidade ímpar para a melhoria da educação e para o cumprimento da meta 5 do Plano Municipal de Educação.

“Com a criação do Núcleo de Alfabetização, poderemos dar suporte as nossas escolas na recuperação de uma área que foi tão afetada pela pandemia. Essa iniciativa visa atender, inclusive, os pais de alunos que têm solicitado às escolas novos recursos para a alfabetização dos filhos”, destacou Iládia.

PROJETO DE LEI

Para implantar o núcleo, o prefeito Leandro Maffeis encaminhou à Câmara Municipal, no dia 28 de julho, projeto de lei para renomear a função gratificada de Coordenador de Área de Ensino Fundamental – Educação Física, que atualmente se encontra vaga, para Coordenador de Área de Ensino Fundamental – Alfabetização.

A proposta, que não aumenta gastos para o município e prevê que somente servidor efetivo poderá ocupar a função, faz parte do planejamento de criação do Núcleo de Alfabetização, previsto na portaria SME 024/2020, que vem sendo elaborado pela equipe técnica da Secretaria de Educação.

Para o prefeito, a alfabetização merece o máximo de empenho de todos os profissionais da educação, pois é indispensável para o exercício da cidadania. “A nossa obrigação, nesse período difícil de pandemia, é agir com rapidez para garantir o pleno aprendizado dos nossos alunos”, afirmou.

“Não há como ser cidadão, dominar as tecnologias e viver em sociedade de forma plena sem saber ler, escrever e compreender o mundo. Tenho certeza de que essa iniciativa irá render bons frutos e colocará a nossa educação municipal cada vez mais em evidência”, completou Maffeis.

Por: Sílvio Romeiro

Araçatuba Acontece

10/08/2021




Postar um comentário

0 Comentários