Polícia Militar prende casal acusados de dupla tentativa de homicídio

Na madrugada Domingo (22), policiais militares de Araçatuba/SP tomaram conhecimento de ocorrência de disparo de arma de fogo pelo bairro Alvorada. Ao chegarem ao local os PM constataram uma mulher caída ao solo e ferida por disparos de arma de fogo, sendo um na região da cabeça e outro na coxa direita, a qual foi socorrida em estado de saúde gravíssimo pela viatura do Corpo de Bombeiros à Santa Casa do município. No local os policiais encontraram uma munição, dois estojos e sangue. 

Na Av. Joaquim Pompeu de Toledo X Av. Baguaçu, foi constatado que um homem também havia sido vítima de disparo de arma de fogo, alvejado no ombro esquerdo e parte posterior da orelha esquerda, sem risco de morte. Em depoimento, o homem declarou aos policiais que se encontrava no interior de um veículo, VW/Gol, juntamente com a outra vítima do sexo feminino, estacionado na Rua Miguel Sanches Filho x Rua Dr. Ângelo Brívio, momento em que dois veículos se aproximaram, sendo um Monza de cor vinho e um Verona prata, e efetuaram disparos de arma de fogo, atingindo a mulher num primeiro momento e depois o depoente e, na busca por socorro, dirigiu-se até o posto de combustível no cruzamento das mencionadas vias. 

Foi acionada perícia que compareceu e, após os trabalhos periciais, liberaram o local. Após receber informações acerca dos possíveis autores da tentativa de homicídio, os quais estariam pela Rua Paula Souza X Rua Noroeste, os policiais militares conseguiram abordar um veículo modelo Verona de cor prata ocupado por um casal. Em conversa com o homem, este confessou a tentativa de homicídio que, segundo ele, teria sido cometido por motivos passionais, considerando que era ex-amásio da vítima do sexo feminino. O abordado informou ainda que a arma utilizada no crime estaria sobre o telhado da casa de seu genitor, porém, após buscas na residência, nada foi encontrado. O veículo Gol ficou apreendido pelo plantão policial, considerando que foi encontrado no automóvel droga e um simulacro de arma de fogo. 

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão em flagrante delito ao casal e conduzidos à distrital de polícia judiciária para as demais providências, permanecendo os conduzidos presos à disposição da Justiça.

Fonte: Assessoria de imprensa da Polícia Militar. 
Araçatuba Acontece
23/11/2020



Postar um comentário

0 Comentários