Rapaz desaparecido que foi esfaqueado continua internado

O servente de pedreiro de 19 anos, que estava desaparecido e foi encontrado por familiares após dar entrada na UTI da Santa Casa, vítima de esfaqueamento, apresentou melhoras e seu estado de saúde é estável, conforme informação de uma familiar à reportagem do Regional Press.
A família preferiu não se manifestar sobre o caso e uma familiar disse que, neste momento, todos querem apenas a rápida recuperação do jovem e não estão interessados em saber o que teria motivado a agressão e quem foi o agressor. Isso eles vão deixar a cargo da polícia e nem querem comentar o assunto com o rapaz.

A familiar, que falou informalmente com a reportagem, disse que o servente é um rapaz trabalhador, mas as vezes consome bebidas alcoólicas, e não tem problemas de inimizades.
De acordo com boletim de ocorrência, ele saiu de casa, no bairro Dona Amélia, na noite de sexta-feira, dizendo que iria até um bar para comprar cigarros. No entanto, o rapaz não retornou. Essa teria sido a primeira vez que ele não havia retornado durante a noite sem avisar a família.
Após 24 horas sem notícias e sem conseguir contatar o rapaz, familiares foram no sábado a noite na delegacia registrar um boletim de ocorrência. Posteriormente a mãe foi até a Santa Casa atrás de informações, imaginando que ele poderia ter sofrido algum acidente.
Para surpresa, ela acabou encontrando o filho internado na UTI, e recebeu a informação de que ele havia dado entrada vítima de esfaqueamento. Nesta segunda-feira a reportagem apurou que ele apresentou melhoras, segundo a família, que preferiu não se manifestar.
“Somos evangélicos. Vamos deixar tudo na mão de Deus”, disse uma familiar do rapaz.

Por: Fábio Shiz/Regional Press
Foto : Ilustração
Araçatuba Acontece
07/10/2019


Postar um comentário

0 Comentários