Justiça decreta internação de menores que assaltaram joalheria em shopping de Araçatuba

O juiz Adeilson Ferreira Negri, titular da Vara da Infância e Juventude de Araçatuba, decretou, na tarde desta segunda-feira (1), a internação provisória dos dois adolescentes, de 15 e 17 anos, que assaltaram uma joalheria no shopping Praça Nova no mês passado.
O menor foi 15 anos foi recolhido ontem (30/06) após tentar matar a tiros uma mulher no bairro Porto Real 2, periferia de Araçatuba. Agora, ele está custodiado no processo do roubo e da tentativa de homicídio. O outro adolescente também foi apreendido.

O ASSALTO
O roubo ocorreu no dia 19 de junho. Armados com um revólver, os menores entraram na joalheira que fica no piso térreo do Shopping Praça Nova, no bairro Guanabara, em Araçatuba.
Três pessoas foram feitas reféns. Mediante ameaça de morte, a dupla criminosa fugiu com dezenas de peças, entre relógios, correntes e pulseiras. O prejuízo foi calculado em cerca de R$ 25 mil.
Câmeras de segurança flagraram a dupla entrando e fugindo do shopping. Por meio de imagens, a polícia descobriu que a dupla fugiu do local em uma motocicleta, após pular um alambrado do centro de compras.

DETIDOS
Os dois adolescentes foram localizados pela Polícia Militar uma semana depois escondidos em um racho às margens do rio Tietê, entre Araçatuba e Santo Antônio do Aracanguá.
Apresentados no plantão policial, os menores foram ouvidos e confessaram o crime. Como não haviam sido pegos em flagrante, os adolescentes foram liberados na madrugada de quinta-feira (27). Três dias depois, o adolescente de 15 anos tentou matar a vizinha a tiros. A motivação do crime seria a desconfiança de a mulher ter denunciado o menor após o roubo. A mãe do adolescente foi presa em flagrante acusada de ajudar na tentativa de homicídio. A vítima continua internada na Santa Casa de Araçatuba e o estado é estável.

AUDIÊNCIA
A audiência sobre o assalto está marcada para o dia 1º de agosto no Fórum de Araçatuba.

Por: Alex Mesmer/Regional Press
Foto: ARQUIVO 
Araçatuba Acontece
01/07/2019



Postar um comentário

0 Comentários