Irmãos serão julgados por duplo homicídio ocorrido em Araçatuba

Os irmãos Bruno Eufrásio de Souza e Rodrigo Eufrásio de Souza, ambos de Araçatuba, serão julgados, nesta quarta-feira (8), pelo assassinato de Leandro de Oliveira e Marcos Honório de Souza, que residiam em Guararapes.
O crime ocorreu em 6 de julho de 2014, em um bar na zona rural de Araçatuba e foi motivado por ciúmes, conforme denúncia do Ministério Público.
O julgamento dos irmãos vai ocorrer a partir das 9h no Fórum de Araçatuba.

Os réus foram denunciados por homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e com recurso que impossibilitou defesa das vítimas.
O duplo assassinato ocorreu na noite de um domingo em um bar chamado Bico de Pedra, na estrada do Angaí, perto da ponto do Córrego Azul, após o bairro rural de Engenheiro Taveira.
Os réus estavam no estabelecimento com as namoradas e outros familiares e se desentenderam com as vítimas, também clientes do bar.

Os envolvidos ocupavam mesas próximas e segundo o que a polícia apurou na época, Bruno ficou irritado por achar que sua namorada estava sendo paquerada pelas vítimas.
A moça chegou a relatar que teria sido chamada de ‘linda’ pelas vítimas após sair do banheiro.
Diante do clima de confusão, as moças e familiares dos réus deixaram o bar a pedido deles.
Após uma breve discussão entre os envolvidos, os réus deixaram o local em uma moto.
Testemunhas alegaram que ambos teriam dito que voltariam armados.

Cerca de 20 minutos depois, as vítimas foram surpreendidas por Bruno, que estava com um revólver. Leandro e Marcos foram atingidos por dois tiros cada um e morreram do lado de fora do bar.
Os dois irmãos fugiram com a moto, mas foram identificados e presos pela Polícia Civil alguns dias após o crime.
Para o Ministério Público ficou claro que Bruno atirou nas vítimas por ciúmes e que seu irmão Rodrigo o incentivou e o auxiliou na prática do crime.
Os réus estão presos preventivamente.

Por: Alex Mesmer/Regional Press
Araçatuba Acontece
07/05/2019




Postar um comentário

0 Comentários