Casal é preso após fazer cobrança por dívida de drogas

Um funcionário público municipal de 25 anos e uma desempregada de 27 anos foram detidos em flagrante após serem denunciados por uma usuária de drogas que estava sendo cobrada pelo casal, injustamente, segundo ela.
A PM foi acionada e acabou descobrindo que na residência do casal funcionava um minilaboratório de refino de cocaína.

O caso veio à tona porque uma operadora de caixa de 31 anos, moradora no bairro São Vicente, acionou a Polícia Militar denunciando que o casal estava na porta de sua casa fazendo a cobrança sobre uma droga que ela afirmava já estar paga.
Os policiais foram até a residência da denunciante por volta de meia-noite e meia, e localizaram o casal.

A operadora de caixa confirmou que é viciada e que compra drogas do casal, mas não estaria devendo nada. Os PMs começaram a questionar o casal e o funcionário municipal confessou que fazia o refino da droga em casa e vendia cada pino por R$ 10.
Os PMs foram até o apartamento do casal, no bairro Jardim Universo, e localizaram drogas e produtos utilizados para o preparo.

De acordo com o boletim de ocorrência, dentro de um guarda-roupas havia um prato com cocaína em pó, diversos pedaços de cocaína em pedra, uma porção grande de maconha, R$ 950 em dinheiro, frascos de acetona, rolos de papel filme, pinos vazios para embalar cocaína, além de um liquidificador e uma peneira com resquícios de cocaína.

O casal foi preso em flagrante e poderá ser indiciado por tráfico e associação ao tráfico, e ficou à disposição da Justiça.

Por: Fábio Shiz/Regional Press
Araçatuba Acontece
07/03/2019


 

 
 
   

Postar um comentário

0 Comentários