Integrante de facção criminosa é preso pela PM após perseguição em Araçatuba

Matusalém Cardoso Oliveira, de 34 anos, foi preso na tarde desta quarta-feira (27) em uma estrada de terra que liga os bairros Porto Real e São José, em Araçatuba.

Os policiais militares Cb Roque e Cb Gleyson (Equipe Bravo) realizavam patrulhamento preventivo no bairro São José quando avistaram um veículo Siena prata. O condutor ao perceber que seria abordado acelerou e tentou fugir em alta velocidade.

Após alguns quarteirões os policiais conseguiram interceptar o veículo e realizar a abordagem.
De imediato os PMs constataram que as placas estavam adulteradas com fitas isolantes.
No interior do veículo foi encontrado um aparelho de celular que havia sido destruído pelo condutor antes da abordagem e várias ferramentas.

Indagado o motivo das placas estarem adulteradas, Matusalém informou que havia emprestado o veículo para um amigo fazer uma "fita" e que não tinha o conhecimento do local.

O abordado foi conduzido ao plantão policial e após checar seus documentos, foi constatado no banco de dados Prodesp que o mesmo é integrante de uma facção criminosa que agi dentro e fora dos presídios do país e que já havia sido preso em São Paulo. Inclusive durante sua prisão, 4 indivíduo armados trocaram tiros com policiais da capital em uma tentativa de resgate.

Diante dos fatos, Matusalém foi autuado em flagrante no Art. 311 (Adulterar qualquer sinal identificador de veículo automotor, de seu componente ou equipamento - Pena de reclusão de três a seis anos, e multa).

Ele permaneceu a disposição da justiça e será apresentado na manhã desta quinta-feira no fórum de Araçatuba para audiência de custódia.

Por: Thiago Augusto
Araçatuba Acontece
27/02/2019









Postar um comentário

0 Comentários