Pedreiro é morto a tiros no Jardim Planalto em Araçatuba

Um pedreiro de 32 anos foi morto a tiros, por um homem encapuzado, no início da madrugada desta quarta-feira quando chegava em sua residência, na rua Vereador Aldo Campos, no Jardim Planalto, zona norte de Araçatuba. A vítima já cumpriu pena por tráfico e tinha passagem por lesão corporal contra sua companheira.

De acordo com a polícia, o pedreiro e sua companheira chegavam em casa por volta de 1h. Ao abrir o portão o cachorro escapou e ele foi para rua chamar o animal. De acordo com a esposa da vítima, neste momento surgiu um homem baixo, trajando uma blusa laranja com capuz e um pano cobrindo o rosto, estando apenas com os olhos a mostra. Com uma arma em punho deu um tiro e acertou o peito do pedreiro.

Neste momento a vítima ainda questionou: “mano, porque está fazendo isso comigo? Não fiz nada pra você”. A esposa mandou o pedreiro correr e tentou entrar na frente do atirador, que ainda deu mais dois tiros acertando o pedreiro, que caiu dentro de casa em um corredor de acesso aos quartos.

A mulher acionou o resgate, que levou o pedreiro ao pronto-socorro da Santa Casa, onde ele chegou sem vida. Na residência, próximo ao local onde ele ficou caído, os policiais encontraram um pino plástico utilizado para acondicionar cocaína. A mulher da vítima contou que ele já esteve preso por tráfico, e era dependente químico de cocaína.

Policiais civis estiveram no local e anotaram alguns endereços de imóveis próximos dotados de câmeras de segurança, onde pretendem conseguir as imagens para auxiliar nas investigações. Os policiais constataram que no ano passado a companheira do pedreiro havia registrado um boletim de ocorrência na Delegacia da Mulher, depois de ter sido agredida por ele.

Por: Fábio Shiz/Regional Press
Foto: Facebook
Araçatuba Acontece
30/01/2019


Postar um comentário

0 Comentários