FAC-FEA realiza vestibular solidário neste domingo para vagas remanescentes

A FAC-FEA (Faculdade da Fundação Educacional Araçatuba) está com as inscrições abertas até às 19h desta sexta-feira para o vestibular 2019, e mais uma vez em caráter solidário. Ao invés de cobrar uma taxa, o candidato precisa levar apenas um quilo de alimento não perecível, cuja doação é repassada pela FAC-FEA a entidades assistenciais de Araçatuba.
O vestibular, para o preenchimento de vagas remanescentes, será realizado neste domingo (27/01) às 14h. As vagas serão para os cursos de Direito e Psicologia (Diurno e Noturno), e Pedagogia e Administração (noturno). Os aprovados já começarão a estudar no dia 4 de fevereiro.
Para fazer a inscrição, o candidato deverá comparecer à secretaria da Faculdade até esta sexta-feira com os seguintes documentos: Cópia do RG, Cópia do Histórico Escolar ou do comprovante de Conclusão do Ensino Médio, Ficha de Inscrição (fornecida pela Secretaria) e 1 kg de alimento não perecível (menos sal e açúcar).
As inscrições devem ser efetuadas na Secretaria da FAC-FEA, na rua Maurício de Nassau, 1191 - Bairro Santana, das 08h00 às 19h00.

DESTAQUE
Por ser uma entidade sem fins lucrativos a FAC-FEA consegue investir em um bom corpo docente, além de possibilitar mensalidades bem abaixo da média de instituições particulares.
O investimento em um bom corpo docente resulta na qualidade dos cursos, conforme comprovação pelo IGC – MEC, o Índice Geral de Cursos, que em uma avaliação de 0 a 5, a FEA conseguiu nota 4 durante seis anos consecutivos.
Hoje a instituição oferece cinco cursos, Administração, Direito, Pedagogia e Psicologia, além de cursos de pós-graduação, e já está se preparando para implantação do curso de medicina, aprovado pelo Conselho Estadual de Educação.
A FEA já formou mais de 2 mil alunos e pelas estatísticas, a maioria são alunos que integram famílias com renda familiar entre dois a cinco salários mínimos, que precisam trabalhar para pagar os estudos, e posteriormente acabam conseguindo boas colocações no mercado de trabalho.


Postar um comentário

0 Comentários